contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner mamba

Publicidade

Polícia irá a residências apreender celulares roubados

A polícia já restituiu mais de dois mil celulares que foram roubados. Na Secretaria de Segurança existem mais de 20 mil registros de roubos de celulares

Redação | quinta-feira, 23 novembro , 2023

A Secretaria Estadual de Segurança Pública do Piauí prepara uma nova operação para realizar a busca e apreensão de aparelhos celulares com restrições ou fruto de roubos ou furtos. Os alvos serão residências em Teresina.

A polícia já restituiu mais de dois mil celulares que foram roubados. Na Secretaria de Segurança existem mais de 20 mil registros de roubos de celulares.

“Preparamos agora uma fase pós-intimação. As pessoas intimadas e que não compareceram vão ter equipes da Secretaria de Segurança nas residências para tentar apreender os celulares com restrições”, disse o delegado Matheus Zanatta, superintendente de Operações Integradas da Secretaria de Segurança.

A quantidade de busca e apreensão ainda está sendo levantada pelo setor de inteligência. “Se a pessoas está em dúvida se o celular é roubado ou não, se têm restrições, ela pode comparecer à Superintendência de Operações Integradas e vamos estar fazendo a consulta do Imei. É importante a pessoa procurar a Secretaria até pera demostrar espontaneidade e boa fé”, disse o delegado.

Grande restituição

Zanatta informou que no final do ano a Segurança fará novas ações de restituição de celulares. A previsão é entregar de 500 celulares a 1 mil aparelhos a seus donos.

“Será uma ação maior do que a última restituição que chegou a 500. Pode chegar a entrega de 500 a 1 mil celulares. Toda a preparação, autos de restituições, organograma dos celulares recuperados, notificações das vítimas, uma série de questões burocráticas estão sendo realizadas”.

O delegado ressaltou que tem reduzido o número de furto e roubo de celulares em Teresina e no estado e que a população está acreditando no combate a esse crime.

“Nos 10 primeiros meses, conseguimos reduzir 37% do roubo e furto de celulares em Teresina e caiu 31% o número no estado. Teve um mês que aumentou o número de Boletins de Ocorrência registrados por roubos e furtos de celulares e o que verificamos é que os BOs são de crimes ocorridos ano passado. Isso demonstra que polícia ganhou mais credibilidade na recuperação de celulares”, finalizou Zanatta.

Por Yala Sena / Cidade Verde