contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner hemopi

Publicidade

Rodrigo Janot apresenta denúncia contra Ciro Nogueira

A acusação contra o PP é de que seus membros fazem parte de uma organização que agiu para desviar dinheiro da Petrobras

| sábado, 2 setembro , 2017

Resultado de imagem para ciro nogueiraO procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a primeira denúncia voltada especificamente a um partido político e seus integrantes. No caso, a acusação é contra o PP e que seus participantes fazem parte de uma organização criminosa que agiu para desviar dinheiro da Petrobras.

O conteúdo do documento, com os nomes, ainda não foi divulgado. As investigações são referentes a cerca de 30 integrantes do partido, entre eles os deputados federais Arthur Lira (AL) e Waldir Maranhão (MA) e o senador Ciro Nogueira (PI).

O inquérito no qual foi apresentada a denúncia foi aberto em março de 2015 para investigar a participação de 39 políticos do PP, PT e PMDB na suposta organização criminosa que atuava na Petrobras. Em outubro do ano passado, a pedido de Janot, esse inquérito foi fatiado e as investigações sobre organização criminosa passaram a ser quatro: uma sobre o PP, outra sobre o PT, uma terceira sobre o PMDB do Senado e a quarta sobre atuação do PMDB da Câmara.

Para Janot, o pedido de divisão não muda o fato de que existiu “uma teia criminosa única” na estatal. “Os elementos de informação que compõem o presente inquérito modularam um desenho de um grupo criminoso organizado único, amplo e complexo, com uma miríade de atores que se interligam em uma estrutura com vínculos horizontais, em modelo cooperativista em que os integrantes agem em comunhão de esforços e objetivos; e outra em uma estrutura mais verticalizada e hierarquizada, com centros estratégicos de comando, controle e tomadas de decisões mais relevantes”, disse o procurador-geral da República.

Fonte: Jornal do Brasil