contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner hemopi

Publicidade

Rejane deixa Seduc para votar contra reforma da previdência

Após a votação, Rejane Dias retorna ao cargo e só deve sair novamente no dia 5 de abril, prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral

| terça-feira, 6 fevereiro , 2018

Resultado de imagem para rejane diasA secretária de educação do Estado, Rejane Dias, vai se afastar do cargo nos próximos dias para votar a reforma da previdência. O polêmico projeto do governo federal deve entrar em pauta na Câmara Federal no dia 19 de fevereiro. Para a deputada federal, a reforma deveria ser discutida mais.

“Eu deverei voltar a Brasília para participar dessa votação. A gente entende que o problema da previdência é sério. Chegou numa situação muito complexa. O problema é que o governo que está aí pra poder levar uma pauta tão séria como essa precisa discutir mais. O que não pode é o trabalhador ser punido”, disse.

Após a votação, Rejane Dias retorna ao cargo e só deve sair novamente no dia 5 de abril, prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral para o afastamento de quem vai disputar as eleições 2018. E por falar em eleições, a secretária espera que a candidatura ao senado de Regina Sousa se consolide.

“A senadora é atuante, séria e dedicada no que faz. Vamos esperar que venha se consolidar sua candidatura. O próprio PT discute isso e tem suas razões, bem como os partidos que vão formar o bloco. Acredito que vão chegar ao entendimento”, declarou.

Crise

Apesar da crise, Rejane Dias destacou investimentos de R$ 150 milhões na educação do estado nos últimos anos. “Apesar da crise que afeta estados e municípios, fizemos investimentos de R$ 150 milhões pra melhorar a estrutura das escolas e equipamentos. Só de equipamentos foram investidos R$ 70 milhões”, finalizou.

Fonte: Cidade Verde