contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner hemopi

Publicidade

PRF registra queda em mortes por acidentes em Picos

Os levantamentos da Polícia Rodoviária Federal apontam que a redução das mortes foi de quase 90%.

| quinta-feira, 19 dezembro , 2013

Em 2013 a cidade de Picos saiu da desconfortável posição de cidade com maior número de mortes de motoqueiros por cada 100 mil habitantes no Brasil. Embora não tenha ocorrido uma redução drástica na quantidade de acidentes envolvendo motocicletas algumas medidas adotadas diminuíram o número de mortes. A redução foi de quase 90%.

aaaaaa

De acordo com o Inspetor da 4ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal, Washington Sousa, no ano passado foram registradas 34 mortes nas rodovias federais que atravessam o município.

“Houve medidas adotadas, tais como, colocação de radares, barreiras eletrônicas a intensificação da fiscalização em cima do uso dos itens indispensáveis de segurança, que no nosso caso era o capacete. Nós conseguimos reduzir. Na cidade de Picos em 2011 ocorreram 32 mortes e até o presente momento na cidade de Picos [neste ano] só ocorreram três mortes. Uma redução de aproximadamente 90%”, pontuou o Inspetor.

Na contramão dessa redução aumentaram bastante a quantidade de multas emitidas. No ano de 2012 foram notificados 12 mil e 400 veículos. “Até o dia 16 de dezembro [de 2013] foram notificados em nossa cidade 16 e 500 veículos”, completou o Washington Sousa. O aumento no número de motoristas multados foi superior a 33%.

Para o Inspetor da 4ª Delegacia da PRF, esse aumento na fiscalização tem ligação direta com a redução no número de motoqueiros que vieram a óbito em 2013.

“A polícia faz estudos, faz um sistema de gerenciamento, detecta os locais mais críticos onde ocorrem os acidentes mais graves. Esse estudo é levado a outros órgãos, como Denit e outras parcerias, e tudo isso fez com que reduzisse o índice de mortalidade no trânsito na cidade de Picos no tocante as BR’s federais”, finalizou Sousa.

Fonte: João Paulo /Rodeador News