contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner Rout

PRF registra 13 mortos no final de semana; 4 eram crianças

Foram 5 acidentes graves nos 3 primeiros dias de operação para garantir a segurança das estradas neste final de ano.

| segunda-feira, 23 dezembro , 2013

A Polícia Rodoviária Federal contabilizou cinco acidentes graves no Piauí neste final de semana – os três primeiros dias da operação de final de ano. As colisões resultaram em 13 mortes e 16 feridos.

eeeeeeeee

“Entre os mortos temos quatro crianças e adolescentes e nove adultos. Na maioria dos casos, o local onde os acidentes aconteceram são bem sinalizados e estão em boas condições. Ou seja, são resultado de imprudências ou falta de atenção”, alertou o inspetor Tony Carlos, da PRF.

No final da manhã deste domingo (22), uma colisão na BR-316 entre um veículo de passeio e um caminhão resultou em cinco mortos da mesma família. O acidente aconteceu na altura do município de Valença. O caminhão tinha um carregamento de sabão em pó, avaliado em cerca de R$ 150 mil. A carga foi totalmente perdida e o motorista, único sobrevivente, ficou em estado de choque.

As vítimas foram identificadas como a professora Anaciara Pereira de Sousa, 44 anos, seus dois filhos de 14 e 16 anos, André Felipe e Andressa, uma irmã identificada como Vilani Pereira de Sousa, 64 anos, e a mãe, a idosa Antônia Cavalcante de Sousa, 92 anos.

“O que sabemos é que o carro saiu da faixa por algum motivo e foi para a contrária. O motorista do caminhão é a única testemunha e garante que não havia outro carro na frente. Estamos verificando o que motivou a senhora que dirigia a mudar de faixa”, acrescentou o inspetor.

Outro acidente grave foi registrado em Jacobina do Piauí e resultou na morte de uma criança de seis anos. Um recém-nascido está entre os feridos.

“Colisão frontal é causada por ultrapassagem. Capotamento, por excesso de velocidade. Traumatismo craniano em motociclistas é falta do capacete. Colocamos nossas equipes em pontos estratégicos onde ocorrem mais acidentes, mas vamos ter que remanejar, porque as colisões estão acontecendo em lugares atípicos”, destacou Tony Carlos.

Fonte: Cidade Verde