contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner mamba

Publicidade

Piauí deve liderar as discussões sobre transição ecológica, diz Rafael na COP 28

Rafael Fonteles reafirma compromisso com a sustentabilidade ambiental em lançamento do Plano de Transição Ecológica do Governo Federal

| sexta-feira, 1 dezembro , 2023

O governador Rafael Fonteles participou, nesta sexta-feira (1º), do lançamento do Plano de Transição Ecológica, na COP 28, em Dubai. Executado em parceria entre os ministérios da Fazenda e do Meio Ambiente, o plano visa o desenvolvimento econômico e social aliado à sustentabilidade ambiental em todo o Brasil.

Transição ecológica 1.jpg

Em seus discursos de apresentação do plano, a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, destacaram o interesse do Governo Federal em promover crescimento econômico, aumentar a geração de emprego e renda e reduzir as desigualdades sociais e regionais no Brasil. A ideia é atingir esses objetivos a partir de um trabalho pautado em transição ecológica, preservação ambiental e de combate às mudanças climáticas.

Segundo o governador Rafael Fonteles, o Piauí já é protagonista nesta pauta. “A nossa matriz energética é 100% limpa, temos reduzido os índices de desmatamento e contamos, agora, com o maior projeto de hidrogênio verde do mundo. Então, vejo o Piauí liderando essas discussões, visto que já somos referência em transição energética para as energias eólica, solar e hidrogênio verde”, destacou Rafael em suas redes sociais.

Transição ecológica 1.jpg

Durante o evento, os ministros Fernando Haddad e Marina Silva apresentaram, ainda, uma proposta para que haja o financiamento global em prol da preservação das florestas tropicais, especialmente da Floresta Amazônica. “Uma proposta importante, visto que as florestas tropicais exercem papel fundamental na preservação da biodiversidade e no enfrentamento às mudanças climáticas. Na COP 30, que acontecerá no Brasil, teremos uma proposta bem mais concreta e que terá a adesão de vários países”, reforçou Fonteles.