contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner Rout

Padre Walmir e Edílson são empossados em Picos

Em seu discurso, o prefeito anunciou medidas duras de controle de gastos e redução na folha de pessoal para equilibrar contas

| segunda-feira, 2 janeiro , 2017

O prefeito reeleito de Picos, Padre José Walmir de Lima (PT), tomou posse na manhã deste domingo, 1º de janeiro, para um novo mandato. Em discurso, ele prometeu um governo de austeridade e rígido no controle dos gastos com folha de pessoal. Prometeu ainda honrar os compromissos com os servidores e fornecedores.

A sessão solene de posse foi realizada no plenário da Câmara Municipal de Picos, às 10 horas da manhã, e contou com a presença de autoridades, filiados, militantes e simpatizantes dos 14 partidos que apoiaram à reeleição do prefeito Padre Walmir (PT).

Além do prefeito, também foi empossado o vice-prefeito, Edilson Alves de Carvalho (PTB). A solenidade foi conduzida pelo presidente reeleito da Câmara Municipal de Picos, Hugo Victor Saunders Martins (PMDB). Dentre as autoridades presentes, o deputado federal Assis Carvalho (PT) e o deputado estadual Severo Eulálio Neto (PMDB), que participaram ativamente da campanha do Padre Walmir.

Em discursos, Assis Carvalho (PT) e Severo Eulálio (PMDB), reafirmaram apoio a administração do Padre Walmir (PT). Anunciaram, por exemplo, que vão interceder junto ao governador Wellington Dias (PT) para que continue a parceria com o município de Picos visando a execução de novas obras de infraestrutura.

O vice-prefeito Edilson Carvalho (PTB) agradeceu o apoio recebido nas urnas e garantiu que vai procurar ajudar o Padre Walmir (PT) a conduzir os rumos do município de Picos. Alertou, porém, que sabe das limitações do cargo que passou a ocupar, lembrando que cabe ao prefeito Padre Walmir a condução das ações administrativas.

Em entrevista ao JP on line, o prefeito Padre Walmir (PT), disse que sentia-se feliz por ter logrado êxito nas urnas, o que, segundo ele, prova que seu primeiro mandato teve aprovação nas urnas.

“Vamos continuar com esse projeto iniciado em 14 de junho de 2015, já com uma série de mudanças e de crescimento nas várias áreas. Iniciamos ainda na atual gestão a tomar medidas de redução de gastos e de controle das despesas. Vamos começar com o mínimo possível a folha de servidores [contratados], mas, nem por isso deixaremos de trabalhar em prol da comunidade” – destacou o Padre Walmir.

Apesar de prometer uma administração austera, Padre Walmir (PT) garantiu que vai continuar investindo em obras de infraestrutura, inclusive, com recursos públicos. E concluiu reafirmando o compromisso com os servidores e fornecedores do município.

Reportagem José Maria Barros /Jornal de Picos