contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner Estado – museu

Publicidade

Novo secretário quer fundir distritos com batalhões

A integração das policias civil e militar é uma das metas a ser seguidas pelo novo secretário de segurança, capitão Fábio Abreu

| segunda-feira, 8 dezembro , 2014

A integração das policias civil e militar é uma das metas a ser seguidas pelo novo secretário de segurança, o deputado federal eleito capitão Fábio Abreu (PTB), assim que assumir o comando da pasta em janeiro. A medida, além de aproximar os efetivos, traria economia aos cofres públicos, já que é objetivo do futuro gestor, fundir alguns batalhões com distritos policiais.fabioabreu11111

Segundo Fábio Abreu, a ideia é levar a nova medida principalmente para o interior. “Os distritos não têm estrutura e vamos economizar pessoal também. Objetivo principal é a investigação. Aquela estrutura lá grande para ter um policial para ficar só olhando, não é interessante, principalmente na policia civil”, diz o futuro secretário.

O capitão explica que a medida não significa o fim dos distritos, mas ele garante que alguns serão remanejados. “A gente vai trabalhar para aproximar as polícias civil e militar. De alguma forma, a gente trabalha em comum, mais um pouco afastado”, relata.

Fábio Abreu cita como exemplo de integração, o 5º Batalhão, na zona leste de Teresina, onde poderia funcionar o 5º Distrito Policial. “Por exemplo, no 5º Batalhão, lá funciona o batalhão e 5º Distrito Policial juntos. No mesmo espaço, temos o delegado próximo do comandante do batalhão. A gente pretende fazer um plano de segurança pública aos moldes do Pernambuco, que se chama pacto pela vida. Por exemplo, se estabelece metas aos comandantes dessas áreas e essas áreas tem que ser integradas. Na área do 5º Batalhão, que é a zona leste, se tem 10 homicídios, a ideia é estabelecer metas para 5 homicídios. Se tiver bombeiro na área também fará parte. Cumprindo as metas será bonificado através de recursos financeiros”, explica.

O deputado federal eleito é um dos sete nomes anunciados ontem (05) pelo governador eleito Wellington Dias para integrar a sua equipe de governo. Além de Fábio Abreu, foram oficializados Antonio Neto (Planejamento), Franzé Silva (Administração), Daniel Oliveira (Justiça), Guilhermano Pires Ferreira ( Transportes), Rafael Fonteles (Fazenda) e Plínio Clerton (Procurador-geral do Estado). O primeiro nome a ser oficializado foi o do deputado estadual eleito Francisco Limma, para a secretaria de desenvolvimento rural.

Fonte: cidadeverde.com