Lei determina afastamento de gestante na pandemia

A funcionária gestante deverá permanecer à disposição do empregador em trabalho remoto até o fim do estado de emergência

/ quinta-feira, 13 maio , 2021

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta quarta-feira (12) a lei que que garante à empregada gestante o afastamento do trabalho presencial durante o período da pandemia de covid-19, sem prejuízo do recebimento do salário.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é gravidas-132323.png

O projeto de lei sobre o assunto, de autoria da deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB-AC), foi aprovado pelo Congresso Nacional no dia 15 de abril.

Conforme o texto, a funcionária gestante deverá permanecer à disposição do empregador em trabalho remoto até o fim do estado de emergência em saúde pública.

Agência Brasil

Banner Posto Dois Amores banner megalink

Vídeo Veja mais

Veja como foi a live do “Carnafeijão” 2021

Vários artistas se apresentaram na Live do 'Carnafeijão' 2021, evento organizado pelos Casais Paroquianos de Nossa Senhora dos Remédios

Comercial Ivan Banner Jerry banner serão motos peças

© 2013 Webpiaui - Todos os direitos reservados.

Somente os artigos não assinados são de responsabilidade deste portal. Os demais, não representam necessariamente a opinião desta editoria e são de inteira responsabilidade de seus autores.

Aroldo Santos - Soluções web