contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner Estado – museu

Publicidade

“Estreito” vai levar água para Padre Marcos e Belém do Piauí

As populações das duas cidades estão sofrendo com a falta de água provocada pela estiagem que tem atingido o Semiárido Piauiense

| quarta-feira, 5 fevereiro , 2014

A Barragem de Estreito vai abastecer as cidades de Padre Marcos e Belém em 60 dias. A informação foi dada na manhã desta terça-feira (4) pelo diretor presidente da Agespisa, José Augusto.

As cidades vem sofrendo com a falta de água. A barragem de Caboclo, situada na divisa dos municípios, e responsável pelo abastecimento da população urbana das duas cidades, registra o menor volume de água da história. A represa foi construída na década de 70.

asasas

Uma medida emergencial tem sido constantemente cobrada pelos gestores municipais. A adutora Sudeste, que levaria água da barragem de Estreito até a cidade de Jaicós, passando por Padre Marcos e Belém, nunca foi concluída.

A população, porém, a beira de um colapso, não pode esperar. A pouca água ainda existente no Caboclo é insuficiente para abastecer as duas cidades até o final deste mês. Atendendo as reivindicações da população, o governador determinou que fosse elaborado um projeto emergencial para levar água da barragem até as duas cidades.

José Augusto, da Agespisa, detalhou como será o projeto, que visa transferir a captação para outra barragem. “É um projeto viável. Vamos retirar o flutuante que está na barragem de Cabloco, instalar na barragem do Estreito e aproveitar parte da adutora do Sudeste já existente na margem da rodovia, para levar água até as duas estações de tratamento, uma em Padre Marcos e outra em Belém, e em seguida, ofertar à população uma água de qualidade”, disse.

Fonte: Cidades na Net