contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner Estado – museu

Publicidade

Coleta Seletiva é definitivamente implementada em Picos

O Programa visa otimizar ações que promovam uma gestão ambientalmente correta dos resíduos sólidos

| terça-feira, 19 novembro , 2013

A Prefeitura Municipal de Picos através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAM) implementou definitivamente o Programa de Coleta Seletiva por meio do Decreto Nº 242 de 03 de Junho de 2013 que “Dispões sobre a criação do Programa ‘Coleta Seletiva’ e todo seu sistema de funcionamento no âmbito do município de Picos/PI” publicado no Diário Oficial dos Municípios no dia 05 de junho do corrente ano.

Equipe da Secretaria de Meio Ambiente - Foto:Ascom

Equipe da Secretaria de Meio Ambiente – Foto:Ascom

O Programa traz como objetivo otimizar ações que priorizem a coleta seletiva e promova uma gestão ambientalmente correta dos resíduos sólidos. Dessa forma Escolas e Universidades públicas e privadas, condomínios residenciais, comércios, fábricas, restaurantes, bares, supermercados, padarias e similares além de órgãos públicos das três esferas do poder com sede no município devem separar seus resíduos em dois recipientes (sacos plásticos), um para o lixo seco/reciclável (latas, plásticos, papeis e vidros) e outro para o lixo úmido/orgânico (restos de comida, pó de café/chá, cascas, ossos e galhos de podas).

Os dias e horários da coleta serão:

Segunda/quarta/sexta de 08 ás 11horas: Condomínios residenciais

Segunda/quarta/sexta das 16 ás 19horas: Hotéis, restaurantes, supermercados e padarias.

Terça e quinta das 08 ás 11horas: Órgãos Públicos

Terça e quinta das 16 ás 19horas: Universidades e Escolas.

O Lançamento da Coleta Seletiva aconteceu na Semana do Meio Ambiente e durante este período a Secretaria de Meio Ambiente veio trabalhando o programa de educação ambiental nas escolas em parcerias com a secretaria de educação a fim de propagar a ideia para as crianças começarem a separar o lixo.

Segundo o Secretário de Meio Ambiente, Gláuber Silva, depois de enfrentar alguns problemas como transporte em que o município contratou uma empresa pra auxiliar na coleta e que infelizmente não prosperou, a própria secretaria decidiu adquirir um veiculo temporariamente para começar de vez a coleta seletiva.

“Esse carro vai passar pra coletar este lixo reciclável e iremos fazer uma parceria com a associação dos catadores que fica no aterro sanitário, para posteriormente quando tivermos uma usina de reciclagem entregar este material direto pra usina, enquanto isso será entregue a associações e cooperativas de catadores pra eles agregarem valor e terem também uma renda a mais” afirmou o secretário.

Gláuber Silva diz ainda que “é dever nosso separar o lixo, a semam lançou este projeto de educação ambiental e agora nos vamos executar, sabemos que é difícil, ate a coleta comum do lixo é muito complexa, mas precisamos dar o pontapé inicial superando toda a dificuldade. Sonhávamos muito já ter começado este projeto da coleta seletiva, mas vamos agora no mês de novembro e dezembro, e quem sabe em janeiro adquirir mais caminhões e funcionários para abranger toda a cidade”.

A fundação nacional da saúde (FUNASA) abriu uma seleção para firmar convênios nos municípios referente a reciclagem, segundo Glauber a proposta do município de picos já foi encaminhada e a expectativa é que em 2014 caso o projeto seja aprovado, o município possa receber novos recursos para adquirir caminhões novos, construir galpões de reciclagem em vários bairros da cidade e também um grande trabalho com a cooperativa de catadores do aterro sanitário.

“Nos vamos para as associações de moradores, para os conselhos comunitários pra que eles reúnam o lixo reciclável e entregue para o carro da coleta seletiva na própria sede da associação e nos vamos ate premiá-las, as que mais colaborarem que tornarem o bairro mais limpo, mais verde a gente vai dar um selo verde, um selo ambiental e uma premiação que a gente vai definir depois para associação que mais contribuir com o projeto da coleta seletiva!” finaliza o secretário.