contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner Rout

Publicidade

CASO EMÍDIO: Exame da polícia revela que preso é o autor de carta ameaçadora

A perícia confirma que José Gildásio escreveu a carta de próprio punho, quando estava preso em Teresina.

| terça-feira, 8 outubro , 2013

Exame grafotécnico confirmou que a carta ameaçadora, a uma testemunha no caso da morte do ex-vereador Emídio Reis, foi escrita pelo preso José Gildásio de Brito, dentro do presídio Irmão Guido. A perícia foi divulgada nesta segunda-feira. A carta faz ameaças à testemunha ocular Valter Ricardo da Silva, que mudou sua versão durante depoimento a juíza em Picos.

Com a confirmação da perícia, José Gildásio, além de responder pelo assassinato do ex-vereador, vai ser incriminado por coação no processo de julgamento da morte de Emídio Reis.

A perícia confirma que José Gildásio escreveu a carta de próprio punho, quando estava preso em Teresina. Valter Ricardo recebeu a carta quando estava preso na Irmão Guido e após as ameaças, por questão de segurança, ele foi transferido para penitenciária de Picos.

José Gildásio teria ameaçado e Valter Ricardo

José Gildásio teria ameaçado e Valter Ricardo


cartaameaca111cartaameca123

 

Com informações do Riachão Net