contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner Rout

Publicidade

Prova da Seduc é anulada para mais de 2 mil candidatos

Uma falha na aplicação da prova do concurso fez a organização do certame anular o exame para professor de geografia em todo o Piauí.

| segunda-feira, 2 junho , 2014

Uma falha na aplicação da prova do concurso da Secretaria de Educação e Cultura do Piauí (Seduc) fez a organização do certame anular o exame para professor de geografia em todo o Piauí. São 2.113 candidatos que terão de refazer o teste em data ainda a ser confirmada.concurso-seduc-15555

Em uma sala de Piripiri, candidatos reclamaram no domingo que as provas do concurso para professor de Geografia foram trocadas pelo teste para Física. Cerca de 40 candidatos foram parar na delegacia da cidade para registrar queixa.

O presidente do Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos da Universidade Estadual do Piauí (Nucepe/Uespi), Jorge Martins Filho, confirmou ao Cidadeverde.com que os candidatos para as vagas de Geografia em todo o Piauí terão de refazer a prova.

“Foi um erro de impressão e um erro de empacotamento. Temos que fazer a reaplicação da prova de Geografia para todos os candidatos. No momento que a gente detecta uma falha, a gente não pode colocar o certame em risco”, explicou o presidente do Nucepe.

Por conta da Copa do Mundo, faltam datas para a reaplicação do exame. O Nucepe fará uma reunião na terça-feira para discutir o novo dia da prova.

Em Piripiri, 101 candidatos inscritos disputavam oito vagas para Geografia. As provas da disciplina também foram aplicadas em Barras, Bom Jesus, Campo Maior, Corrente, Floriano, Fronteiras, Oeiras, Parnaíba, Paulistana, Picos, Regeneração, São João do Piauí, São Raimundo Nonato, Uruçuí, Valença e na Grande Teresina.

Outro problema
Jorge Martins Filho confirmou ainda o recebimento de reclamações quanto a prova de Física em Piripiri, com impressão de baixa qualidade. O Nucepe ainda analisa se a prova pode ser anulada.

Para as demais disciplinas, nesta terça-feira serão divulgadas as provas e gabaritos oficiais, e o cronograma previsto continua valendo.

Reportagem Fábio Lima/cidadeverde.com