contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner Estado – museu

Publicidade

Padre Gregório recebe título de cidadania picoense

Solenidade foi realizada na noite desta quinta-feira e contou com a presença de autoridades e expressivo número de populares

| sexta-feira, 31 janeiro , 2014

Com as galerias da Câmara completamente lotadas, o Padre Gregório Leal Lustosa recebeu na noite desta quinta-feira, 30, o título de cidadão picoense. A proposta da homenagem partiu do vereador Francisco de Assis Pio da Silva (Titico), do PP, e aprovada pelos demais membros da casa.

A sessão solene de entrega do certificado foi realizada no plenário Pedro Barbosa da Silva e, contou com a presença de autoridades e de expressivo número de populares. Faixas e cartazes com frases de agradecimentos ao homenageado foram afixados no auditório da Câmara de Picos.

Padre Gregório exibe o diploma - Foto: José Maria Barros

Padre Gregório exibe o diploma – Foto: José Maria Barros

Além do homenageado, a solenidade contou com a presença do prefeito de Picos, Kléber Eulálio (PMDB); deputada estadual Belê Medeiros (PSB), do juiz de direito Geneci Benevides Ribeiro e o bispo diocesano dom Plínio José Luz da Silva.

Durante a solenidade vários oradores fizeram uso da palavra e, todos destacaram o trabalho desenvolvido pelo Padre Gregório como Pároco da Paróquia Nossa Senhora dos Remédios, em Picos. Ele deixa o posto no próximo domingo, 2 de fevereiro e a as 19h do dia 23 do mesmo mês assume a Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Fronteiras.

Embora evangélica a deputada estadual Belê Medeiros disse que admirava o trabalho evangelizador e social desenvolvido pelo Padre Gregório em Picos. Ela aproveitou para agradecer e desejou que ele faça da mesma maneira em sua nova paróquia.

O Prefeito de Picos Kléber Eulálio disse que o momento era de alegria, pela homenagem prestada ao Padre Gregório, e ao mesmo tempo de saudade pelo fato de o religioso ser transferido da cidade. “Queremos, portanto, agradecer por tudo de bom que o senhor fez por nosso povo, estaremos sempre de braços abertos para recebê-lo”, frisou.

O bispo diocesano dom Plínio José, lembrou que a homenagem também diz respeito à igreja particular de Picos, porque o Padre Gregório teve toda liberdade para exercer com amplos poderes esse espaço como pároco. “Cumpriu a sua missão de cabeça erguida e a prova está aqui com o reconhecimento do povo”, lembrou.

Num discurso que demorou 29 minutos, o Padre Gregório agradeceu pela homenagem recebida. Lembrou sua trajetória desde a tenra idade em sua terra natal, Santa Cruz do Piauí, passando pelos estudos em Floriano e Teresina. Falou também do trabalho como padre em Jaicós, Paulistana e por último em Picos, terra que aprendeu muito, compartilhou experiências e de onde partirá com saudades.

Perfil

O Padre Gregório Leal Lustosa, é natural da vizinha cidade de Santa Cruz do Piauí, tem 49 anos de idade e foi ordenado diácono na Catedral de Nossa Senhora dos Remédios, em Picos, no ano de 1994 e em 17 de julho de 1995 foi ordenado presbítero em sua terra natal.

A princípio foi servir na Paróquia Nossa Senhora das Mercês, em Jaicós, onde passou pouco mais de dois anos. Assumiu em seguida a Paróquia Nossa Senhora dos Humildes, em Paulistana, onde ficou quase onze anos no comando. Ele assumiu a Paróquia Nossa Senhora dos Remédios, em Picos, no dia 10 de maio de 2008.

Fonte: GP1