contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner hemopi

Publicidade

Justiça inicia audiência de instrução do caso Edimar

Edimar Bringeo foi executado com um tiro na nuca quando jogava baralho com amigos no bairro Bomba, no dia 15 de maio de 2013.

| quinta-feira, 18 dezembro , 2014

Está prevista para acontecer nesta quinta-feira (18), na sala de audiências do Fórum Governador Helvídio Nunes de Barros, a partir das 08h30min, a primeira Audiência de Julgamento e Instrução do caso do assassinato do cantor e seresteiro bocainense, Edimar Antônio de Sousa, que era popularmente conhecido como Edimar Bringeo, de 46 anos.

Sivoney Clementino Barros/ Foto: Marta Soares

Sivoney Clementino Barros/ Foto: Marta Soares

Duas pessoas estão presas preventivamente acusadas de participação nesse homicídio. O presidente do inquérito que apurou o caso, delegado Especial, Tales Gomes, apontou o desempregado, Tiago Osório Cavalcante, como sendo a pessoa que teria dado fuga ao autor do disparo que vitimou o cantor. Já o acusado de ter sido o mandante do crime é o auxiliar de laboratório, Sivoney Clementino Barros, de 40 anos. Ele é primo de Edimar Bringeo.

O CRIME:

Edimar Bringeo foi executado com um tiro à queima roupa na nuca quando jogava baralho com amigos, no Bar do Noêmio, localizado na Travessa João Paulo II, no bairro Bomba, Na noite do dia 15 de maio de 2013.

Fonte: DiaadiaPicos