contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner Estado – museu

Publicidade

Filho de candidato a deputado morre em acidente

O adolescente de apenas 16 anos tentava atravessar a rodovia federal pilotando uma moto quando foi colhido por um caminhão

| segunda-feira, 12 janeiro , 2015

Mais um grave acidente de trânsito tirou a vida de um jovem próximo a cidade de Picos. O condutor de uma motocicleta CB 300 Cc veio a óbito após ser colhido violentamente por um caminhão. A colisão aconteceu na BR 407, na altura do Povoado Baixio da Cacimbinha, no município de Geminiano, por volta do meio dia desta segunda-feira (12/01).

Saimon morreu a caminho do hospital

Saymon morreu a caminho do hospital

A vítima foi identificada como sendo o estudante, Saymon Barbosa de Araújo Galvão, de 16 anos. Ele era filho do vigilante e candidato a deputado Estadual pela cidade de Picos, nas últimas eleições, Edmundo Galvão (PSol). Informações preliminares apontam que o caminhão que seguia no sentido de Jaicós, colheu a motocicleta no momento que o jovem tentava atravessar a rodovia Federal. O caminhoneiro foi encaminhado a Central de Flagrantes.

“Ainda é cedo para gente determinar alguma causa do acidente. Mas os policiais estiveram no local do acidente e vão fazer um levantamento, vão ouvir também o passageiro que vinha no caminhão. Então vamos ouvir as testemunhas e fazer o levantamento aí do acidente”, explicou o Inspetor da 4ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal, Gunnar Lopes.

Esse trecho da BR 407 já foi palco de diversos acidentes com vítima fatal. Nos últimos dois anos pelo menos cinco pessoas morreram vítimas de acidente no local. A comunidade cobra a implantação de sinalização no local.

“As autoridades deviam tomar conhecimento e providências colocando sinalização, colocando uma lombada, tem comunidades menores que já tem lombada para evitar acidentes. Tem uma escola também e o perigo é grande. Para quem vai subindo a visibilidade é muito pouca. E isso tudo está contando pontos para acontecer tantos acidentes como tem acontecido aqui”, argumentou o primo da vítima, Fábio Araújo.

Fonte: Diaadiapicos