contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner Estado – museu

Publicidade

Abortada tentativa de fraude no concurso da PM

O detector de ondas eletromagnéticas constatou a presença de um aparelho celular em uma das salas de prova

| segunda-feira, 24 fevereiro , 2014

Uma tentativa de fraude foi registrada na aplicação da primeira etapa do concurso público para a Polícia Militar do Piauí, neste domingo (23). Em Picos, cerca de 7 mil candidatos realizaram as provas em 16 escolas e um jovem, natural de Belém do São Francisco, no estado de Pernambuco, foi preso em flagrante com um celular.
De acordo com o capitão Airton Oliveira, da PM de Picos, Charles Francisco Santana, 21 anos, foi preso na escola Machado de Assis, com um aparelho celular escondido nas roupas íntimas. Além do jovem, mais três pernambucanos foram conduzidas à Central de Flagrantes, mas não foi constatado nenhuma ligação com o jovem.
Foto: Folha Atual

Foto: Folha Atual

“O celular foi apreendido ainda na porta da escola. Os fiscais apreenderam o aparelho e encaminharam ao Serviço de Inteligência da Polícia Militar. Instantes depois do início da prova, chegaram mensagens com o gabarito extraoficial, provavelmente, repassado por especialistas. As respostas eram enviadas através de códigos, em grupo de cinco respostas”, explica o capitão Airton Oliveira.
O capitão Airton Oliveira garante ainda que não houve nenhum candidato teve acesso ao gabarito e além de policiais fardados, existiam ainda PM’s à paisana, para garantir a segurança na realização do certame.
“Tínhamos fiscais na entrada das escolas e fiscais no banheiro e um equipamento de detecção de sinais de celular em cada colégio. Assim como ocorreu em dezembro, quando o concurso deveria ter ocorrido mas foi suspenso após suspeita de fraude, agora também foi apenas uma tentativa. Nenhum candidato recebeu o gabarito”, finaliza  Airton Oliveira acrescentado ainda que inquérito policial já foi aberto e o caso será acompanhado pela Polícia Civil.
O presidente do Nucepe, Jorge Martins Filho, informou que o concurso está mantido mesmo com a tentativa de fraude. Até sexta-feira, o número de abstenções será divulgado. Alguns foram excluídos por portarem celulares, anotações indevidas e documentos teoricamente falsos. O gabarito será anunciado nesta terça-feira.
Reportagem Graciane Sousa/ cidadeverde.com