contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner Rout

Publicidade

Vacinação contra a aftosa segue até o dia 28

A prorrogação se deve por problemas de logística e atraso de chegada das vacinas em alguns municípios

| terça-feira, 18 fevereiro , 2014

A Agência de Defesa Agropecuária vai prorrogar a vacinação contra a febra aftosa até o dia 28 de fevereiro, portanto, o pecuarista tem mais 11 dias para vacinar seu rebanho e certificar a vacinação em um dos 200 escritórios da Adapi espalhados pelo Piauí. A prorrogação se deve por problemas de logística e atraso de chegada das vacinas em alguns municípios, mas todos os impedimentos já foram solucionados.

A meta da campanha é imunizar 100% do rebanho bovino piauiense, superando o último índice vacinal da II etapa de 2013 (julho), que foi de 97,59%. A primeira etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa de 2014 foi lançada em janeiro. A meta deste ano é vacinar mais de um milhão de cabeças nas mais de 75 mil propriedades rurais do Estado.

vacas 55s7878s

De acordo com o diretor-geral da Adapi, José Antônio, mesmo o Piauí tendo alcançado, em 2013, a certificação de Estado livre da aftosa, os criadores não devem descuidar de continuar vacinando o seu rebanho. “É importante que os criadores continuem vacinando o seu rebanho. Isso é uma forma de impedirmos o aparecimento da doença e alcançarmos 100% do gado no Estado livre da aftosa”, explica.

O Piauí aguarda a certificação internacional de área livre da doença, o que autorizará o criador a exportar seu rebanho para outros países. “A vacina é a segurança de não termos a doença no nosso gado e este fator nos traz inúmeros benefícios, principalmente em relação à venda do gado”, pontua o diretor.