contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner Rout

Publicidade

Rafael aponta obras hídricas e de infraestrutura como prioridades do NE

Na reunião do Consórcio, com presença de todos os governadores do Nordeste, foram acertadas pautas importantes da região

Redação | sábado, 21 janeiro , 2023

O governador Rafael Fonteles apresentou a carência de obras hídricas e de infraestrutura e a universalização das escolas de tempo integral como prioridades do estado durante a Assembleia do Consórcio Nordeste Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste, realizada nesta sexta-feira (20), no Centro de Convenções de João Pessoa, na Paraíba. O encontro resultou na publicação de uma carta de intenções e propostas com os principais objetivos e demandas da região.

Na reunião do Consórcio, com presença de todos os governadores do Nordeste, foram acertadas pautas importantes da região que serão apresentadas durante encontro com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no dia 27 de janeiro, em Brasília.

Rafael chamou a atenção para a carência de obras hídricas, especialmente na região Sudeste, e também na infraestrutura que liga o Sul, que, de acordo com ele, tem muito potencial para o agronegócio, com o norte do estado.

O governador pediu aos chefes do Executivo do Nordeste que abracem a proposta de reforma tributária e defendeu ainda a implantação de novas políticas de incentivos fiscais para os estados.“Podemos discutir muita coisa, mas tudo precisa de recursos”, disse, reafirmando que a região está muito bem representada no Governo Federal com a ocupação de Ministérios que cuidam da área social e defendeu a inclusão de nordestinos ocupando as vice-presidências de instituições financeiras do país. “Recomendo ainda uma aproximação entre os consórcios do Nordeste e da Amazônia”, disse.

Entre as pautas da região, Rafael Fonteles apontou projetos já em andamento, como a Transnordestina, a integração da Bacia do São Francisco, além dos linhões de energia. “São pautas que impactam e abrangem toda a região”, declarou.

Rafael ainda sugeriu aos integrantes do Consórcio a criação do Fundo de Desenvolvimento Regional para atrair investimentos para as regiões Norte e Nordeste. O governador também parabenizou a iniciativa dos governadores da gestão anterior em criar o Consórcio Nordeste para que possam ser compartilhadas boas práticas de políticas públicas e para que sejam defendidos os interesses do Nordeste diante do cenário nacional e até internacional.

Segundo Rafael Fonteles, o Consórcio possibilita a troca de informações e de boas práticas públicas, além do fortalecimento institucional da região para defender a população e colocar o Nordeste como protagonista no Brasil e no mundo. “É uma região que tem dado bons exemplos de boas práticas públicas nas mais diversas áreas, como segurança pública, segurança alimentar e hídrica. É isso que buscamos, fortalecer esses entes da Federação em prol do desenvolvimento econômico e social de nosso povo”, assegura.

Carta de João Pessoa

A primeira reunião do Consórcio Nordeste resultou na publicação da “Carta de João Pessoa”, em que os governadores destacam a cooperação, o planejamento integrado e desenvolvimento sustentável da região.

Na carta, os governadores garantem que o compromisso do Nordeste é seguir trabalhando para que todos os canais de diálogo com a União estejam abertos. “O Consórcio Nordeste é parte de movimentos de aprimoramento de nosso pacto federativo e seguirá como parte das melhores soluções de inovação e boas práticas que o Brasil precisa”, afirmam os governadores do Consórcio.

Confira a íntegra da Carta de João Pessoa