contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner Pro sol

Publicidade

Justiça Itinerante atende em Monsenhor Hipólito

Durante três dias a Justiça Itinerante permanecerá na cidade de Monsenhor Hipólito resolvendo as demandas litigiosas e consensuais

| segunda-feira, 16 dezembro , 2013

A Justiça Itinerante, órgão do Tribunal de Justiça do Piauí, começou a oferecer seus serviços em Monsenhor Hipólito na manhã desta segunda-feira (16/11). As unidades móveis estacionadas em Frente ao Colégio Padre Cícero Romão Batista vão resolver uma série de demandas litigiosas e consensuais da população hipolitana e também das cidades vizinhas.

Profissionais capacitados  fazem o atendimento da população - Foto: Cleiton Jarmes

Profissionais capacitados fazem o atendimento da população – Foto: Cleiton Jarmes

Entre os serviços oferecidos durante os três dias de permanência do Programa em Monsenhor Hipólito estão retificação de registro civil de nascimento, casamento, justificação de óbito, divórcio consensual, reconhecimento de paternidade, acordo extrajudicial de exame de DNA, homologação de acordo de pensão alimentícia, restauração de assento de nascimento, reconhecimento e dissolução de união estável, entre outras ações de natureza consensual.

Hortalina Bezerra (1ª dama de Alagoinha), Timá (Prefeito de Monsenhor Hipólito) e Cleydiana Bezerra (1ª dama de M. Hipólito)

Hortalina Bezerra (1ª dama de Alagoinha), Timá (Prefeito de Monsenhor Hipólito) e Cleydiana Bezerra (1ª dama de M. Hipólito)

De acordo com o coordenador da Justiça Itinerante, Juiz Jorge da Costa Veloso, um levantamento realizado no Brasil constatou que um percentual bastante elevado de crianças matriculadas nas escolas não tinha o nome do pai na certidão de nascimento e para mudar este quadro o Estado criou a Justiça Itinerante para fazer o trabalho de reconhecimento de paternidade de forma gratuita beneficiando aquelas pessoas menos privilegiadas economicamente.

População recebe atendimento médico - Foto: Cleiton Jarmes

População recebe atendimento médico – Foto: Cleiton Jarmes

De acordo com o coordenador, a iniciativa vai permanecer em Monsenhor Hipólito atendendo as demandas da região até às 17 horas da próxima quarta-feira (18/12). “Todo e qualquer cidadão que tenha um direito lesado que possa ser solucionado amigavelmente pode trazer que a gente vai tentar conciliar estes casos,” ressaltou.

População recebe tratamento de beleza - Foto: Cleiton jarmes

População recebe tratamento de beleza – Foto: Cleiton jarmes

Ao saber que a Justiça Itinerante estaria em Monsenhor Hipólito, Jeane Amélia de Brito se deslocou da cidade de Alagoinha do Piauí em busca de fazer o exame de reconhecimento de paternidade de sua filha, a pequena Ingrid de um ano e dois meses. ”O pai não quer registrar e exigiu o DNA, para fazer o teste eu gastaria mais de R$ 500,00 e aqui vou fazer sem nenhum custo”, afirmou.

Secretariado presente durante as atividades - Foto: Cleiton Jarmes

Secretariado presente durante as atividades – Foto: Cleiton Jarmes

Durante os três dias, além dos serviços da Justiça Itinerante, outras ações estão sendo disponibilizadas ao público: a justiça eleitoral está fazendo inscrições, segundas vias e atualização de títulos; a secretaria da assistência social montou um salão de beleza onde as pessoas estão tendo a oportunidade de mudar o visual; também está sendo ofertada a expedição de carteira do passe livre para idosos; a secretaria de saúde disponibilizou vários testes de aferição de pressão e exame de Glicemia, além de aplicação flúor, e a Secretaria Municipal de educação aproveitou para fazer a renovação de matrículas de alunos retardatários.

Unidades móveis da Justiça Itinerante - Foto: Cleiton Jarmes

Unidades móveis da Justiça Itinerante – Foto: Cleiton Jarmes

A Secretária Municipal de Assistência Social, Cleydiana Bezerra, está acompanhando de perto todas as atividades que estão sendo desenvolvidas ao longo dos três dias oferecendo o suporte necessário para o bom andamento dos trabalhos. “A perspectiva da gente está sendo superada com a presença de um grande número de pessoas, não só de Monsenhor Hipólito, mas de vários municípios da região, procurando a serviço da justiça itinerante”, destacou.