contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner Rout

Amostragem divulga pesquisa para Senador

A nova pesquisa do Instituto Piauiense de Opinião Pública (Amostragem) foi realizada nos dias 16 a 19 de agosto com 1.137 eleitores

| sexta-feira, 22 agosto , 2014

A nova pesquisa do Instituto Piauiense de Opinião Pública (Amostragem) e Sistema Integrado de Comunicação Meio Norte, realizada nos dias 16 a 19 de agosto com 1.137 eleitores com com 16 ou mais anos de idade residentes e com domicílio eleitoral em 47 municípios de todas as microrregiões do Piauí , mostra que o candidato do PSB, ex-governador Wilson Martins, está liderando a disputa pelo Senado com 42,83% das intenções de voto estimuladas.

Segundo o Instituto Amostragem, o candidato do PTB ao Senado, Elmano Férrer, o Véin Trabalhador, está em segundo lugar com 21,28% das intenções de voto estimuladas, seguido do candidato do PSTU ao Senado, Geraldo Carvalho, que tem 2,81% das intenções de voto estimuladas. O candidato do PSC ao Senado, Gustavo Henrique, tem 2,37% das intenções de voto estimuladas. O candidato do PPL, Professor Claudionor tem 1,93% das intenções de voto estimuladas; e o candidato do PCB ao Senado, Aldir Nunes, tem 0,53% das intenções de voto estimuladas.

Os eleitores que não sabem e não opinam estão em 19,96% e os que querem votar em branco e nulo somam 8,27%. A pesquisa do Instituto Amostragem é não aleatória por cotas de sexo, faixa etária, grau de instrução, renda familiar, microrregião e municípios, com entrevistas domiciliares e individuais. Foram pesquisados os seguintes municípios por microrregião: Baixo Parnaíba Piauiense (Miguel Alves, Barras, Piripiri, Esperantina); Litoral Piauiense (Parnaíba, Cocal, Buriti dos Lopes); Teresina (Teresina, José de Freitas, Nazária); Campo Maior (São João da Serra, Pedro II, Campo Maior, Lagoa de São Francisco); Médio Parnaíba Piauiense (Hugo Napoleão, Regeneração, Amarante); Valença do Piauí (Prata do Piauí, Valença do Piauí, Aroazes); Alto Parnaíba Piauiense (Baixa Grande do Ribeiro); Bertolínia (Sebastião Leal, Bertolínia); Floriano (Jerumenha, Floriano, Nazaré do Piauí); Alto Médio Gurguéia (Monte Alegre do Piauí, Bom Jesus); São Raimundo Nonato (Anísio de Abreu, Dom Inocêncio, São Raimundo Nonato, Caracol); Chapadas do Extremo Sul Piauiense (Corrente, Parnaguá); Picos (Paquetá, Oeiras, Picos, Ipiranga do Piauí); Pio IX (Alagoinha do Piauí, Francisco Santos); Alto Médio Canindé (Caldeirão Grande do Piauí, Socorro do Piauí, Campinas do Piauí, Patos do Piauí, Massapê do Piauí, Jaicós, Paulistana).

A margem de erro da pesquisa é de 2,85% para mais ou para menos, em amostragem casual, para um nível de confiança de 95% para o tamanho de amostra de 1.137 eleitores). Pesquisa foi registrada no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Piauí sob o protocolo de número PI 00087/2014, no dia 16 de agosto.

senador2

Wilson Martins ganha em 12 microrregiões, empata em Pio IX e perde em Teresina

O candidato do PSB ao Senado e ex-governador, Wilson Martins, segundo a pesquisa Instituto Amostragem e Sistema Integrado de Comunicação Meio Norte, lidera em 12 microrregiões do Piauí, o candidato do PTB, Elmano Férrer, lidera em duas microrregiões, Teresina, a capital, e Bertolínia, e os dois empatam em uma, a de Pio IX, com 39,13%. Os maiores picos de intenções de voto estimuladas de Wilson Martins estão nas microrregiões do Alto Parnaíba Piauiense (82,35%), Picos (60,81%), de São Raimundo Nonato (51,92%), Campo Maior (54.95%), Chapadas do Extremo Sul (54,84% das intenções de voto estimuladas); e Litoral Piauiense (44,34%). Na microrregião de Teresina, Wilson Martins, tem 31,45% das intenções de voto. Quem lidera na corrida para o Senado em Teresina é Elmano Férrer, ex-prefeito da cidade, que tem 39,13% das intenções de voto. Ele também vence em Bertolínia, com 41,18% das intenções de voto estimuladas. No Litoral Piauiense, Elmano Férrer tem 8,49% das intenções de voto; 22,73% na microrregião de Valença do Piauí e 17,31% na microrregião de São Raimundo Nonato. Geraldo Carvalho tem seus melhores índices de intenções de voto estimuladas nas microrregiões de Alto Médio Gurgueia (6,54%), de Floriano (4,35%), Campo Maior (5,49%) e do Médio Parnaíba Piauiense (5,56%). O candidato do PPL, Professor Claudionor, atinge seus melhores percentuais de intenções de voto nas microrregiões de Alto Médio Gurgueia (6,06%), Pio IX (4,35%) e Teresina (4,09%). O candidato do PSC ao Senado, Gustavo Henrique, tem seu melhor desempenho nas microrregiões do Alto Médio Gurgueia (6,06% das intenções de voto estimuladas); Médio Parnaíba Piauiense (5,56%) e de Teresina (2,83%).

senador1

Wilson Martins tem 8,71% das intenções de voto espontâneas

A pesquisa de intenções de voto espontâneas (quando o entrevistador não apresenta os nomes dos candidatos) para o Senado feita pelo Instituto Amostragem e Sistema Integrado de Comunicação Meio Norte mostra que Wilson Martins tem 8,71% das manifestações de voto espontâneas. Elmano Férrer tem 7,21% das intenções de voto espontâneas. Segundo a pesquisa, 75,20% dos eleitores piauienses espontaneamente não apontam em qual candidato ao Governo do Estado irão votar e 5,36% dos eleitores dizem que irão votar nulo ou em branco. São citados políticos que não são candidatos ao Senado como Wellington Dias, Zé Filho, Ciro Nogueira, deputado Fábio Novo e João Vicente Claudino, mas nenhum chega a 1% das intenções de voto espontâneas.

senador3

Os eleitores mais fiéis são os de Wilson Martins e Elmano Férrer

O Instituto Amostragem pesquisou a firmeza das intenções de voto estimuladas dos eleitores piauienses para o Senado. A pesquisa mostra que os eleitores mais fiéis e com firmeza no voto são os de Wilson Martins e Elmano Férrer. Dos eleitores que querem votar na candidata do PSB ao Senado, Wilson Martins, 61,40% asseguram que não vão escolher outro candidato até o final das eleições deste ano; 34,29% dizem que podem escolher outro candidato e 4,31% não sabem ou não querem opinar sobre a firmeza do voto. Entre os eleitores do candidato do PTB, Elmano Férrer, 23,55% afirmam que podem escolher outro candidato, mas 72,31% asseguram que isso não vai acontecer. 4,13% de seus eleitores não sabem ou não quiseram opinar sobre firmeza do voto. Entre os eleitores de Aldir Nunes, do PCB, 50% afirmam que podem escolher outro candidato, enquanto 50% dizem que isso não vai ocorrer. Entre os eleitores Geraldo Carvalho, 43,75% disseram que podem escolher outro candidato até o dia das eleições e 53,13% asseguram que se manterão fiéis ao candidato e 3,13% não souberam responder ou não quiseram opinar. Os eleitores de Gustavo Henrique estão divididos, com 62,96% garantindo que podem mudar de candidato e 29,63% dizendo que isso não vai acontecer. 7,41% dos eleitores de Henrique não sabem ou não querem opinar.. Entre os eleitores do Professor Claudionor, 47,62% afirmam que podem mudar de candidato e 42,86% garantem que isso não vai acontecer e 9,52% não sabem ou não opinam. 100% dos eleitores de Lourdes Melo garantem que não escolher outro candidato

O Instituto Amostragem pesquisou a firmeza das intenções de voto estimuladas dos eleitores piauienses e uma das principais conclusões é a de que 100% dos eleitores que querem votar na candidata do PCO ao Governo do Estado asseguram que não vão escolher outro candidato até o final das eleições deste ano. Entre os eleitores de Daniel Solon, 80% afirmam que podem escolher outro candidato e 20% asseguram que isso não vai acontecer. Entre os eleitores de Maklandel Aquino, 53,33% afirmam que podem escolher outro candidato, enquanto 46,67% dizem que isso não vai ocorrer. Entre os eleitores de Mão Santa, 46,58% disseram que podem escolher outro candidato até o dia das eleições e 42,21% asseguram que se manterão fiéis ao candidato e 8,22% não souberam responder ou não quiseram opinar. Os eleitores de Neto Sambaíba estão divididos, com 75% garantindo que podem mudar de candidato e 25% dizendo que isso não vai acontecer. Entre os eleitores de Wellington Dias, 26,27% afirmam que podem mudar de candidato e 68,64% garantem que isso não vai acontecer e 5,09% não sabem ou não opinam. 31,20% dos eleitores de Zé Filho dizem que podem mudar de candidato, mas 66,40% asseguram que isso não vai acontecer e 2,40% não sabem ou não quiseram opinar.

senador

Fonte: Meio Norte