contato@webpiaui.com.br

Publicidade

banner Rout

Publicidade

Piauí Fomento passa a ter a menor taxa de juros do Brasil

A taxa valerá para o microcrédito (valor até R$ 21 mil) e será reduzida de 2,19% para 1,19% ao mês para microempreendedores individuais (MEIs)

| quinta-feira, 7 março , 2024

O governador Rafael Fonteles autorizou, nesta quarta-feira (6), a redução da taxa de juros oferecida pela agência Piauí Fomento, atingindo o patamar de menor entre os bancos do Brasil. A taxa valerá para o microcrédito (valor até R$ 21 mil) e será reduzida de 2,19% para 1,19% ao mês para microempreendedores individuais (MEIs) e de 2,29% para 1,29% ao mês para pessoas físicas.

WhatsApp Image 2024-03-06 at 14.12.47.jpeg

A redução é possível devido ao aporte de recursos do Estado do Piauí para o fundo de equalização da Piauí Fomento. “Nós teremos, ao longo do ano, R$ 70 milhões para novas operações, o que vai totalizar um saldo em carteira de mais de R$ 120 milhões. É uma oportunidade única da Piauí Fomento, que está crescendo e ajudando os micro e pequenos empreendedores do estado”, comemorou Rafael Fonteles.

O anúncio da redução foi feito no Palácio de Karnak, após reunião com o presidente da Piauí Fomento, Feliphe Araújo. “Estamos comprometidos em oferecer oportunidades únicas para os empreendedores do Piauí, tanto do campo quanto da cidade”, declarou o governador.

As novas condições de financiamento incluem um prazo de até 36 meses para investimentos e até 24 meses para capital de giro, com um período de carência de até 6 meses. “A redução das taxas permitirá aos empreendedores acesso a crédito mais barato, investir mais e poder aumentar o seu negócio, tendo também competitividade”, afirmou Araújo.

Taxas especiais para mulheres e PCDs

Rafael Fonteles adiantou ainda que, na próxima sexta-feira, dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, a Piauí Fomento vai anunciar taxas ainda mais baixas para as mulheres. Serão R$ 2 milhões investidos para crédito especial às mulheres empreendedoras, que também terão acesso às taxas gerais.

A Piauí Fomento também oferecerá crédito especial para pessoas com deficiência (PCDs) ou seus pais. Nesse caso, a redução da taxa será de 1,5% para 0,99% ao mês, por meio do programa Empreender, em parceria com a Secretaria de Estado para Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid).

Dinheiro para turismo e inovação

O governador lembrou que a Piauí Fomento disponibiliza linhas especiais para empresas ligadas ao turismo, com recursos do Fundo Geral do Turismo (Fungetur), do Ministério do Turismo, e também linhas especiais para empresas de inovação, com recursos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.