contato@webpiaui.com.br

Publicidade

Banner hemopi

Publicidade

Em Picos, Câmara antecipa eleição da mesa diretora

Com a mudança, a eleição para mesa para o biênio 2019-2020, acontecerá até a última sessão ordinária do primeiro semestre

| sexta-feira, 22 junho , 2018

A Câmara Municipal de Picos aprovou em duas votações na noite desta quinta-feira, 21, Projeto de Emenda a Lei Orgânica antecipando a eleição da mesa diretora, atualmente presidida por Hugo Victor Saunders Martins (MDB). A matéria, assinada por oito vereadores, recebeu treze votos a favor e dois contra.

Também foi aprovado pelo mesmo placar e em duas votações, Projeto de Emenda ao Regimento Interno. Com isso, a eleição para mesa diretora da Câmara Municipal de Picos para o biênio 2019-2020, acontecerá até a última sessão ordinária do primeiro semestre do segundo ano de cada legislatura.

O pleito deveria acontecer na última sessão ordinária de 2018 que será realizada no dia 22 de dezembro. Com a mudança na Lei Orgânica e no Regimento Interno a votação para escolha da nova mesa diretora da Câmara Municipal de Picos ocorrerá até o próximo dia 12 julho.

A mudança foi proposta através de emendas a Lei Orgânica do Município e ao Regimento Interno da Câmara e assinada por oito vereadores. O presidente da casa, Hugo Victor (MDB), José Rinaldo Cabral Pereira Filho, o Rinaldinho (PP); Evandro Lima de Moraes, o Evandro Paturi (PT); Severino de Araújo Luz (PDT), Antônio de Moura Martins (PCdoB), Simão Carvalho Filho (PSD), José Luís de Carvalho (PTB) e Francisca Celestina de Sousa, a Dalva Mocó (PTB).

O projeto deu nova redação ao § 5º do artigo 57 da Lei Orgânica do Município de Picos, que passa a ter a seguinte redação: A eleição da mesa da Câmara para o segundo biênio far-se-á até a última sessão ordinária do primeiro semestre do 2º ano de cada legislatura, cabendo a Mesa Diretora convocar a data por meio de edital. Muda também § 4º do artigo 21 do Regimento Interno, que passa a ter a mesma redação do artigo 57 da Lei Orgânica.

Votação

Votaram a favor do projeto os vereadores Hugo Victor (MDB), Rinaldinho (PP), Francisco das Chagas de Sousa, o Chaguinha (PTB), José Luís (PTB), Dalva Mocó (PTB), Evandro Paturi (PT), Wellington Dantas (PT), Severino Luz (PDT), Antônio Moura (PCdoB) e Simão Carvalho (PSD), que integram a bancada de apoio ao prefeito Padre José Walmir de Lima (PT).

Também foram favoráveis aos projetos os vereadores Antônio Afonso Santos Guimarães Júnior, o Afonsinho (PP); José Joaquim de Carvalho, o Dedé Monteiro (PPS) e Antônio Marcos Gonçalves Nunes, o Toinho de Chicá (PP), que compõem a bancada de oposição.

Votaram contra a antecipação da eleição da mesa diretora os vereadores Raimundo Nunes Ibiapino, o Renato (PRP) e Valdívia Santos (PRP), os dois da bancada de oposição ao prefeito.

Candidato à reeleição

O atual presidente Hugo Victor (MDB) é candidato à reeleição e disse que vai procurar um consenso em torno do seu nome. Acrescenta, porém, que se isso não for possível vai para disputa e para tal conta com o apoio do prefeito Padre Walmir (PT), do deputado Severo Eulálio (MDB) e de um número expressivo de vereadores.

De acordo com ele, a antecipação da eleição da mesa diretora foi aprovada dentro da legalidade segundo parecer da Assessoria Jurídica da Câmara, que sempre é consultada nesse tipo de matéria. “Estamos tranquilos quanto à legitimidade do projeto e agora vamos trabalhar para conseguir o consenso para escolha da nova mesa” – ressaltou Hugo Victor.

A posse da nova mesa diretora da Câmara Municipal de Picos para o biênio 2019-2020 acontece no dia 1º de janeiro do próximo ano em sessão solene com a presença de autoridades e convidados.

Por José Maria Barros/ Jornal de Picos